quinta-feira, 6 de julho de 2017

O inesperado é o que nos move


Resultado de imagem para o inesperado


   Nada de expectativas. Quem disse isso? E se eu quiser? Pois é, nos deparamos sempre com essa dúvida de criar expectativa ou não. E não importa o que você vai fazer, seja prestar um concurso ou ir para um primeiro encontro, não tem jeito, somos movidos a esse sentimento chamado expectativa. Não tem como não esperar das coisas, não tem como não pensar como será.
   Há quem diga que se houvesse uma lista das piores coisas a se acreditar na vida, com certeza a expectativa que criamos diante das coisas viria ali, empatadinha com Papai Noel. Tudo bem, eu entendo que você já se frustrou tanto que prefere viver se convencendo de que é capaz de ser uma pessoa zero expectativa. Mas sinto muito, nem sempre isso funciona. O ser humano às vezes parece que precisa dessa magia de pensar, nem que seja por segundos, naquilo que ele pretende fazer, na pessoa que está conhecendo, no plano que está tecendo.
  Mas vamos lá. Você já pensou que nem tudo é como a gente espera ou planeja? E que nós, pobres seres humanos, agimos por instintos, somos movidos a ações e emoções, ou seja, nada previsíveis. Dessa forma, não seria mais interessante tentar não criar expectativas? Afinal de contas, o máximo que vai acontecer é você ser surpreendido.
   Vou usar uma história minha para ilustrar. Quem me conhece sabe que eu adoro brownie, e que em todo lugar que eu vou, que tem esse doce, eu provo. Me considero uma profunda conhecedora da causa...Ok. Vamos ao que interessa. Bem, em certa viagem, fui a uma confeitaria famozérrima, de um carinha que tem direito a programa digno de Discovery Home&Health. Pedi claro, um brownie, e tinha todas as expectativas e certezas que seria o brownie mais delicioso que provaria. Sentimento na real? Decepção. Era bom, mas não era essas coisas todas. Me frustrei. Sim, a historinha pode ser sem graça, mas faz sentido. Quando você associa que a vida é assim, uma eterna criação de expectativas para tudo. E que em muitas vezes nós podemos sofrer com as decepções.
  Então vamos combinar, ser surpreendido é muito melhor do que ser frustrado. Não temos como determinar as atitudes das outras pessoas, não temos como saber se aquele lugar especial que você escolheu para viajar, vai ser realmente a viagem dos seus sonhos. Não é ‘pecado’ criar expectativas, eu até digo que esperar algo daquilo que nos propomos a fazer nos mantém vivos, firmes em um foco. Mas esperar algo, é só o início das coisas, é só o começo. É justamente o inesperado que nos surpreende, e muda as nossas vidas.

Resultado de imagem para o inesperado