terça-feira, 21 de julho de 2020

A vida não é feita de fórmulas

Método de completar quadrados - Mundo Educação
Imagem: Reprodução

Muitas vezes, quando alguém vem nos contar algo, já pensamos em mil e uma soluções. Afinal de contas quando o problema é do outro, resolver é algo muito fácil. Basta que alguém diga: “o que você acha que devo fazer?”, que você já vem com uma gama de receitas prontinhas, e ainda diz: “Amiga, vá por mim”, como se a vida fosse assim, organizada e resolvida a partir de fórmulas prontas.

Porém, a nossa vida é uma sequência de situações, encontros e desencontros com pessoas e com o mundo. Sendo assim, essa mesma vida não nos deixa transformá-la em fórmulas de forma alguma. É querer simplificar demais algo tão intenso e tão cheio de caminhos.

Além do mais, cada pessoa tem sua própria forma de buscar os seus desafios, encará-los e resolvê-los. Quantas vezes demos conselhos e a pessoa foi lá e fez justamente o oposto? Isso porque cada pessoa tem sua individualidade, tem sua forma de encarar e simplesmente, resolver a sua própria vida. Mas nós insistimos em ter fórmulas prontas para curar, ajudar e solucionar a vida dos outros. Porém, em muitas situações não somos capazes de responder uma questão que a própria vida faz para nós.

Não estou aqui para dizer que você não pode dar conselhos. Afinal de contas é tão bom sabermos que alguém confia em nós, e é melhor ainda quando sabemos que de alguma forma ajudamos alguém. Porém, ao fazer isso, não coloque suas experiências e a forma como você as encarou como a melhor maneira da outra pessoa encarar suas próprias dificuldades.

Lembro-me das várias coisas que fiz achando que estavam certas e deram errado. Das tantas outras que fiz achando que dariam errado e deram super certo. Lembro-me também de encarar as coisas com leveza e elas virem como um turbilhão em minha vida. E outras que achei que viriam com tudo, e simplesmente passaram e quase nem senti. Ou seja, a vida não tem receitas, ela vem com suas histórias e caminhos, erros e acertos, sem fórmulas, ou procedimentos rígidos a serem seguidos. Ela só nos exige uma coisa: viver. E para vivermos é preciso encararmos as situações à nossa maneira, absorvendo o que as pessoas nos falam, filtrando sempre as nossas atitudes e pensamentos, e assim, criando nossas próprias soluções. Mas lembrando sempre que em algum momento pode dar errado, e isso é normal, é aprendizado. A vida não tem estratégia correta a ser seguida, ela só quer que a gente faça coisas, e o resultado? Só o tempo nos mostrará. E como já dizia a grande 'filósofa' Dory: “Continue a nadar...”.

 

 

 

 



2 comentários:

  1. Isso aí, eu sempre achei isso. Não podemos ficar na eterna ideia do "ah se eu tivesse feito, ah se eu tivesse ido, ah se eu tivesse falado" a vida não tem fórmulas e a gente precisa viver tudo o que há pra viver. Precisamos nos permitir! Excelente reflexão. Parabéns!

    ResponderExcluir