sábado, 15 de agosto de 2020

Eu escolho a felicidade

 Bora ser feliz?. Eu escolho ser feliz! | by Tali Cicero | Medium   
Imagem: Reprodução

Me peguei nesses dias pensando, que tempo louco que estamos vivendo! Eu sei que estou falando o óbvio, mas é que quero chegar em um ponto específico de tudo o que estamos passando. 

 

Para muitos, esse período tem sido dolorido, às vezes mais do que pensaram que poderiam suportar. Estar isolado, estar só, não compartilhar coisas, e como dizemos com frequência hoje, não estarmos aglomerando, vai de encontro à nossa natureza. Somos do estar juntos, do abraçar, do sentir. E a ausência disso tem sido extremamente difícil. 

 

Porém, é um momento também de pisarmos no freio, desacelerar um pouco e refletir sobre alguns setores da nossa vida, que por muitas vezes ficaram ali parados, pois estávamos ocupados demais com o ritmo corrido do nosso dia a dia. 

 

É momento, mesmo depois de tantos meses já passados, de pensarmos no que ainda estamos falhando conosco. O que de mim eu perdi no meio do caminho? Ainda posso recuperar? O que posso fazer por mim? O que deixei de lado por achar que não era mais tempo?

 

São em momentos como esse que estamos enfrentando que devemos, leiam bem, DEVEMOS fazer uso do que significa a palavra resiliência. Nos reinventarmos, criarmos novos caminhos, nos reerguermos, procurarmos novas formas de felicidade. Alguns meses já se foram, mas ainda há muito caminho a se trilhar.

 

Não é tempo de decidirmos piorar ainda mais a nossa reclusão, nos isolando até de nós mesmos. É hora de em tudo ser positivo e enxergar felicidade. Você já parou para pensar em quantas coisas boas também aconteceram nesse período? Quantas coisas você voltou a fazer, quantos sonhos voltou a sonhar, e histórias planejar?

 

A vida é sempre repleta de altos e baixos, idas e vindas, perdas e ganhos. Mas a decisão por qual local estar e em que lado se segurar é totalmente sua. Quanto a mim? Eu escolho sempre a felicidade!!!

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário